Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Diante da dor dos outros - um devaneio

Inspirada por minhas últimas leituras  - alguns acontecimentos e animes - tenho devaneando muito mais. Talvez por escolha? Esforço? Instrumento para escapar das bolhas?
 No post anterior é possível ver o quanto tenho refletido. Como cunhei a antropofagia de mim mesma.  E sabemos que é complicado fugir de nós mesmos, então considere esse rascunho como um ponto de vista, um olhar sob a sociedade. Um ponto de vista deturbado? Talvez. Mas é importante considerar essa tentativa de expressar as mil vozes que pururulam e se reproduzem em minha mente. Darei uma oportunidade a essas vozes para declamar sua dor, prisão e solidão.





Nos últimos dias, uma morte, o início da leitura de um mangá e a redescoberta de um livro da autora Susan Sontag trouxeram algumas verdades desagradáveis: a insensibilidade de algumas pessoas diante do sofrimento dos outros.


Não somente a morte em si, crua, fria e incisiva, por si só já abusiva,embora natural, contudo a capacidade de alguém puxar o celular, e 'atir…

Últimas postagens

Devaneando

Diário de leitura + antigas novidades

Séculos... A quebra de paradigmas românticos em Gonçalves Dias

Resenha de "Fazendo Ana Paz" de Lygia Bojunga

Às vezes... A falta da verdade (Sometimes...The lack of truth)

Ler como escritor? É possível ser leitor e compreender o pensamento do escritor?

Divagações sobre livros e afins

A Metamorfose: o conflito dos eus

Bem e mal ou bem ou mal? Melhores Leituras de 2016